quinta-feira, março 12, 2009

Weird drops

- Sonhos, sonhos são, e dão um nó na minha cabeça, quanto mais rocambolescos e lyncheanos eles são.
- Yeda Crusius está no twitter: todo mundo sabe que é um perfil fake, mas é tão delicioso e auto-irônico que eu fico a me perguntar: quem será?

- A semana corre, a luz fluorescente ilumina a vida profissional das pessoas, eu sinto sono, eu vejo filmes, eu ouço música e tudo me dá a impressão de que a vida é um moto-contínuo destituído de significação.
- Dentro desse espírito, chegou a me parecer que não é tão boboca a frase da mãe do Forrest Gump, quando diz que a vida é uma caixa de bombons. Tem gente que abre uma caixa de bombons esperando que vá encontrar outra coisa, mesmo (mas ela e Cris me garantem que, dentro da caixa de bombons, evocando um conto de Cortázar, pode haver até baratas). Então tá.

5 comentários:

Ana Ri disse...

a expressão lyncheanos sempre me remeterá à moça galvanizada.
.
a vida é uma caixa de qualquer coisa. bombons soa meio Disney - pro meu gosto nietzscheano.

Naninha disse...

:)

isabel alix disse...

Wélis, tudo vai depender de onde vc coloca a sua caixa de bombom. E de quanto tempo espera para abri-la.

Mas eu acho, francamente, que caixas de bombom são overrated.

Lívia Araújo disse...

Ai, caráleo. Pior que cê tem razão. :-(
O que eu faço?

A Autora disse...

O negócio é sempre saber o que esperar. Se você tem nas mãos uma caixa de chocolate, não espere nem cartas nem grampos de cabelo.

Se você tem uma caixa de lápis de cor, bem, daí você não pode esperar encontrar bombons. A menos que desenhe um. O que já é outra forma de encarar a metáfora da caixa de chocolates.

De qualquer forma, Sra Gump era uma mulher muito sábia.

Te linkarei!

Beijos, e até a próxima