quarta-feira, outubro 22, 2008

E como disse Jacques Prévert...

Ce qui m'est arrivé
Oui j'ai aimé quelqu'un
Oui quelqu'un m'a aimée
Comme les enfants qui s'aiment
Simplement savent aimer
Aimer aimer...
Pourquoi me questionner
Je suis là pour vous plaire
Et n'y puis rien changer.

5 comentários:

Lilly disse...

Je voudrais y croire... Le temps tout change... (perdoe-me meu francês enferrujado)...

Isabel Alix disse...

O meu francês não vai tão longe pra entender toda a sutileza de Monsieur Prévert. Estou me sentindo, além de velha, burra. Obrigada, amiga.

(he. he. he. eu sou ruim.)

Joelma disse...

dá-me dos!

isabel alix disse...

Eita, o francês era tão gostoso que ela foi ficando, ficando, ficando, ficou.
Desígnios insondáveis contra os quais não se pode lutar, não é mesmo, minha gente?

Lívia Araújo disse...

Bé, é a preguiça, a atucanação e a mais legítima falta do que dizer.