terça-feira, junho 12, 2007

For private use only

Caminho. Um dia foram umas flores. Derreti. Outro dia, os plátanos, as ruas, os cafés quentinhos e a vontade de dar as mãos na rua.
Mas o que eu não esqueço mesmo é daquele par de chinelinhos, balançando abaixo da mesa, e o susto de sentir os pés brancos pousados nos meus, em plena tea-house.
Amor ao primeiro con-tato. Amor à primeira con-quista.
E eu quero sempre e tanto deitar naqueles olhos e naquele abraço azul-lacoste que adoça meus invernos. E eu quero sempre e tanto ser presente, sei lá... talvez num embrulho de Natal. Mas pra você saber que eu te amo hoje. E em todas as festas.

2 comentários:

belly disse...

O melhor post de dia dos namorados. Felicidades muitas, viu, gatinha linda.

Sara disse...

adorei isso
muito lindinho
transbordei de emoção aqui
adoro pequenas palavras e grandes sensações.

beijos pra ti e pro teu amor,

sara