terça-feira, janeiro 02, 2007

Back home



Choveu lá em Santos quase a semana inteira (esse aí em cima foi o único momento café del mar da semana de férias, e ainda assim chovia ao mesmo tempo). Recuperei quase que por completo meu sotaque paulissssta. Mesmo assim, o avião pousou aqui e me senti em casa.
Fui cheia de expectativas em relação a algumas experimentações e... não sei. Matéria prima para muitas sessões de análise adiante. Do tesão ao surto, do choro à risada, tudo foi intenso.
Passeios e mais passeios: o Museu do Porto, que eu não conhecia, é simplesmente incrível e injustamente nada divulgado.
Matei saudade da vista do alto da Ilha Porchat e do meu porto querido, com seu característico cheiro de açúcar fermentado (que eu comparo a uma mistura de suco de laranja podre com bolo Pullmann); vi a podridão pliniomarqueana da Bacia do Mercado e a, er, chiqueza dos navios de cruzeiro. Revi as idiossincrasias familiares e um canal para reconcialiações e redescobertas.
E tou de braços abertos para 2007, mesmo achando que o tempo anda realmente passando mais rápido do que deveria.

3 comentários:

Sara disse...

Oi Lívia, passo por aqui pra te desejar um ótimo início de ano. E meio e fim também, rs.

Bjs

RoMartinucci disse...

que linda foto... assim dá saudade...
feliz ano novo!!!
beijos!!!

Anônimo disse...

A Ilha Porchat NÃO FICA EM SANTOS. É UM PONTO TURÍSTICO DE SÃO VICENTE, É OUTRA CIDADE OK ?