quarta-feira, abril 06, 2005

Aqui estou, debaixo de chuva que dá vontade de dormir, com nenhum dos problemas resolvidos, e fazendo um tour pelos pampas em busca de um lugar em que possa fazer meu trabalho. Em compensação, vou caminhando, vou cavando espaço com a ajuda de um escudeiro, e essa palavra me dá toda a segurança, ainda que não exista segurança, ainda que o chão seja feito de uma cerâmica fina sob a qual não haja nada.
Essa semana parece de trégua, mas não é. Essa semana parece um descanso, mas não é. Nessa semana eu tenho tudo misturado, e não foi tão diferente quando cheguei em Curitiba e tudo era uma grande aventura.
Ao menos descobri que a bainha de mielina (existente ao longo do axônio) faz com que as informações saltem sem precisar percorrer todo o neurônio. Isso me faz acreditar, portanto, que minhas bainhas de mielina estejam super ativas, ultimamente.

Nenhum comentário: